Vivendo pelo aplauso - Transtorno de Personalidade Histriônica

transtornos de personalidade

O transtorno de personalidade mais pesquisado e comentado atualmente é o borderline. Porém, mesmo assim, segundo o livro Pare de pisar em ovos: Como agir quando alguém que você ama tem transtorno de personalidade borderline por Paul T. Mason e Randi Kreger, que estou lendo, a maioria dos psicólogos/psicoterapeutas e médicos não são qualificados o suficiente nem para diagnosticar, nem para tratar pessoas com quadro borderline.

Se mesmo sendo um dos mais conhecidos e o mais pesquisados há esse déficit com relação ao TPB, fiquei imaginando quão grande seriam os déficits dos outros transtornos de personalidade nesse sentido. Por isso resolvi iniciar uma série sobre transtornos de personalidade.

[Atenção: se você suspeita ou tem um diagnóstico de transtorno de personalidade, recomendo que busque terapeutas com experiência nesses transtornos porque há realmente um déficit de profissionais capacitados para isso]

Como já há textos sobre borderline no blog, que você pode conferir clicando aqui, resolvi escolher outro transtorno dessa categoria para iniciar. O transtorno escolhido é a personalidade histriônica que com borderline, antissocial e narcisista está classificada dentro do grupo B (ou cluster B). Esse grupo engloba personalidades vistas como mais dramáticas e imprevisíveis.

Siga nas redes sociais: 👍 Facebook | 💬 Twitter | 📷 Instagram | 📌 Pinterest
🔔 Seja um padrinho! Conheça minha campanha no Padrim

O que é um transtorno de personalidade?

Vídeo do canal Senta no Divã que explica brevemente do que se tratam transtornos de personalidade

Também chamados de perturbações da personalidade são condições que são estão entre a "normalidade" e a patologia. Não são vistas como doenças de fato já que se tratam de modos de ser, mas, ao mesmo tempo, são classificadas como quadros de saúde por trazerem grandes prejuízos ao portador ou as pessoas do convívio dele.

A personalidade é o nosso modo de ser, o conjunto de características que define nossa forma de pensar, sentir e agir. Ela é formada de acordo com diversos fatores: genética/hereditariedade, bioquímica e questões ambientais e psicológicas. Pessoas com esses transtornos possuem traços de personalidade muito fortes, acentuados, mal-adaptativos e inflexíveis.

A personalidade de uma pessoa só está totalmente formada na fase adulta, isso significa que não é responsável considerar que crianças e adolescentes possuem transtornos de personalidade. Eles podem ter traços que precisam ser tratados, mas os transtornos só se configuram após os 20 anos. Isso significa que uma criança pode ter comportamentos antissociais (associados à psicopatia, ou Transtorno de Personalidade Antissocial), mas após ficar adulta não apresentá-los mais.
São condições crônicas, ou seja, depois que a pessoa já está na fase adulta com a personalidade formada não há cura, porém, para a maioria dos transtornos de personalidade há tratamento (menos para o transtorno de personalidade antissocial, deixarei isso para o post sobre ele). No entanto, os sintomas tendem a ser mais severos na juventude e reduzir após os 50 anos (o que não quer dizer que desapareçam).

[Atenção: essa série de publicações não serve como diagnóstico, mas sim psicoeducação, então se você percebe em você traços descritos nos textos, busque um profissional de saúde mental, psicólogo/psicoterapeuta ou psiquiatra, para receber uma avaliação adequada.]


Histriônico = histérico?

Histeria e personalidade histriônica
Paciente histérica tratada por C.G. Jung, cena do filme Um Método Perigoso (2012). (Imagem retirada da internet)

Os sintomas da personalidade histriônica antigamente eram classificados dentro de uma condição que era chamada de histeria. Acreditava-se que apenas mulheres sofriam de histeria e que ela estava relacionada ao aparelho reprodutivo feminino. A palavra histeria vem do francês hystérie que significa útero. Hoje em dia se sabe que não são apenas mulheres que sofrem com esses problemas e que não há nenhuma relação com o útero. O termo 'histeria' foi abandonado por ser considerado impreciso e estigmatizante. O que era classificado como histeria então foi dividido em vários diagnósticos, entre eles o transtorno de personalidade histriônica e o transtorno de conversão (transtorno dissociativo).


O histriônico se sente incompleto sem os aplausos. Sua vida é como se fosse uma peça de teatro em que ele é o protagonista

Música Applause de Lady Gaga retrata muito bem como um histriônico se sente, além de ter muitas referências ao teatro.


A perturbação da personalidade histriônica está dentro do grupo B (cluster B) dos transtornos da personalidade. Este grupo engloba personalidades dramáticas e imprevisíveis como borderlines, antissociais (informalmente chamados de psicopatas), narcisistas e histriônicos.

Tradução da letra de Applause.


1) Necessidade de atenção, aprovação, validações e reconhecimento

Transtorno de Personalidade Histriônica
(Imagem retirada do site Clipartmax)

Histriônicos são pessoas que possuem constantes necessidades de atenção e de reconhecimento. Tem um perfil de egocentrismo bastante acentuado e característico e se importam muito em como são vistos pelos outros. Tem uma autoestima bastante volátil, indo do narcisismo extremo à desvalorização extrema de si mesmo caso não estejam sendo elogiados, recebendo atenção ou sendo paparicados.

2) Vaidade, exibicionismo e comportamento sexual inadequado


São pessoas extremamente vaidosas, sedutoras e exibicionistas já que gostam de impressionar. Muitas vezes seduzem os outros com o intuito de alimentar seu ego, colecionando assim um milhão de "contatinhos". Em alguns momentos podem ter comportamento sexual e provocativo inadequado.

Tendem a ter visuais mais chamativos ou provocativos. Desde usar roupas diferentes e excêntricas ou curtas e sensuais.


3) Teatralidade, dramatização


Histriônicos gesticulam muito ao falar e costumam expressar seus sentimentos de uma forma muito dramática e teatral. Dramatizam muito suas dificuldades e também costumam enxergar relações interpessoais com algumas pessoas como sendo mais íntimas do que realmente são. Por conta disso, acabam passando a impressão de serem superficiais ou falsos sendo que não necessariamente são nesses casos.

4) Muitas vezes se veem como modelos a serem seguidos

Também se veem como modelos para as outras pessoas e salvadores para os que gostam.

5) Fracasso social

Histriônicos tem baixo índice de sucesso social, tendo apenas em grupos restritos de amigos. Podem ter dificuldade no ambiente de trabalho por conta disso também. Podem até ter muitos contatos nas redes sociais, mas amizades reais não são muitas.

6) "Me vinguei das pessoas que me chamavam de feia ficando linda"

(Imagem retirada do site Clipartmax)

Pessoas histriônicas tendem a sentir essa necessidade de se "vingar" de quem os criticam/criticaram ou os rebaixam/rebaixaram mostrando para eles que eles estavam errados. Esfregando na cara. São muito orgulhosos. 


Causas e tratamento

Não existem pesquisas conclusivas sobre as influências físicas/biológicas da condição. De acordo com a teoria psicanalítica, pessoas histriônicas podem ter tido relacionamentos distantes com seus pais na infância ou terem tido uma relação muito baseada na perseguição das expectativas deles.

Ao contrário dos outros transtornos de personalidade, histriônicos costumam buscar e aderir rápido o tratamento porque gostam de receber atenção e serem analisados pelos médicos e/ou psicólogos/psicoterapeutas.

Medicamentos são pouco úteis no tratamento de transtornos de personalidade, servindo mais como auxílio em comorbidades ou sintomas pontuais. O foco do tratamento é psicoterapia.

Transtornos de personalidade costumam ter melhores resultados com formas de psicoterapias mais profundas e longas que promovem mudanças mais estruturais (exemplos: terapias psicodinâmicas e humanistas), porém, não existem tantas pesquisas que indiquem um tipo de psicoterapia comprovadamente superior para histriônicos.


Vivendo pelo aplauso - Transtorno de Personalidade Histriônica
Salve no Pinterest!





Referências

  1. Mundo Psicologos - Personalidade histriônica: saiba mais sobre o transtorno. Disponível em: <https://br.mundopsicologos.com/artigos/personalidade-histrionica-saiba-mais-sobre-o-transtorno>. Acesso em 31 de Março de 2019;
  2. Medscape - Personality Disorders. Disponível em: <https://emedicine.medscape.com/article/294307-overview>. Acesso em 31 de Março de 2019;
  3. Health.am - Histrionic Personality Disorder. Disponível em: <http://www.health.am/psy/more/histrionic_personality_disorder_pro/>. Acesso em 31 de Março de 2019.



Comentários

  1. Não esoerava ver uma imagem do Howlett mas até que faz sentido xD

    Pelos pontos citados me lembrou alguns amigos e conhecidos. Alguns com quase todos. Muitas vezes nos deixando com o pensamento "precisa de holofotes".

    Agora curioso pelo anti-social pela fala de não ter cura.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi só para ilustrar, não significa que ele seja kkkk

      Hoje em dia com as redes sociais, eu imagino que muitas pessoas acabam tendo alguns traços e talvez por isso você identifique isso nos seus amigos, mas para se configurar um transtorno de personalidade isso tem que ser bem acima do normal e causar prejuízos para a pessoa e/ou pessoas que a cercam.

      Excluir
  2. Olá,

    Achei muito bacana você trazer posts falando sobre esses transtornos, já que muitas pessoas conhecem muito pouco sobre eles. Confesso que ainda não conhecia o citado no post, mas é sempre bom poder aumentar meu conhecimento. Como sempre, post muito completo e necessário. Arrasou!

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Percebo que há bastante demanda dos meus leitores por posts sobre transtornos mentais. Por isso resolvi escrever mais sobre isso.

      Que bom que você gostou! <3

      Excluir
  3. Minha gente que post interessante, alguns pontos até que batem e foi legal entender mais sobre o assunto alguns amigos são assim :O

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todos temos algumas doses desses traços, aliás dos traços de qualquer transtorno de personalidade. Uns menos e uns mais, o que faz ser um problema é a intensidade/quantidade deles.

      Realmente a gente começa a enxergar muitas coisas nos outros porque realmente tem pessoas que são. Podemos observar esses padrões de comportamentos em várias celebridades.

      Excluir
    2. Muito interessante a matéria, é triste querer copiar algo de alguém e depois se frustrar. A terapia é essencial para esses casos.

      Excluir
  4. Caraca, que post legal! Eu já tinha ouvido falar desse transtorno e até li um livro no wattpad onde o personagem tinha esse transtorno, mas eu mesma nunca parei pra pesquisar sobre isso e achei super interessante os pontos abordados, gostei de saber mais sobre isso. <3

    ResponderExcluir
  5. Olá tudo bem ? Já convivi com pessoas com esse tipo de transtorno , seu post me esclareceu muitas dúvidas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha esclarecido!

      Escreverei sobre os outros transtornos de personalidade também em publicações futuras <3

      Excluir
  6. Olá tudo bem?
    Acho que muitos sofrem de algum tipo de transtorno, conheço muitos e até me coloco nessa situação, tive problemas com ansiedade e depressão, não grave mas tive, o ser humano e fragil,mas percebo que muitos têm vergonha até de assumir certos problemas sendo eles grave ou não muito graves. Ótima abordagem, e sucesso no blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todos temos problemas psicológicos, alguns menores e outros maiores, mas realmente as pessoas que tem coragem de olhar para eles (seus próprios problemas) são poucas.

      Que bom que você gostou! <3

      Excluir
  7. Que post interessante, confesso que não conhecia o transtorno de personalidade histriônica, mas ao longo da leitura fui lembrando de conhecidos com essas características. O tratamento psicológico é de suma importância nesses casos. Parabéns pela abordagem do tema, acrediti que vai ajudar muita gente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muitas pessoas tem esses traços, tem que ver se é a um nível muito elevado porque só assim configura um transtorno de fato.

      Excluir
  8. Olá! Amei esse POST!!
    É muito interessante, são assuntos que gosto muito de ler, além disso, foi muito bem informativo, não sabia de muitas dessas coisas 😊

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que vc gostou!

      Espero que continue me acompanhando <3

      Excluir
  9. oi!
    Eu já conheci algumas pessoas com transtornos de personalidade, e gostei muito das informações que você nós trouxe. Esse transtorno de personalidade histriônica é novidade pra mim...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que você tenha gostado, obrigado por comentar! <3

      Excluir
  10. Eu nunca assimilei a histeria apenas as mulheres, por isso fiquei surpreso por saber que essa condição era apenas apontado pra elas. Eu fiquei muito feliz por saber mais sobre esse transtorno.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estatisticamente a maioria dos histriônicos são mulheres, mas existem sim homens que tem essa condição.

      Excluir
  11. Olá! Acho super legal e importante você decidir fazer posts falando de transtornos de personalidade. Até porque isso pode sinalizar muitas pessoas, tanto para si próprias, quanto para pessoas ao redor. Não conhecia essa, mas achei super interessante as informações e já associei a imagem de Applause real. Adorei a matéria, parabéns. Beijos
    https://almde50tons.wordpress.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pouca gente conhece sobre essas condições e percebo que há uma demanda dos meus leitores sobre essas questões (ainda mais que esse post teve muitas visitas).

      Fico feliz que você tenha gostado <3

      Excluir
  12. Eu preciso salvar esse post para mostrar para a minha tia, esse post descreveu a minha prima inteira! Nossa muito obrigada por compartilhar essas informações conosco, com certeza um post muito útil e informativo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eita :o

      Tome cuidado para não diagnosticá-la. O conhecimento que eu trouxe no post não é suficiente para isso.

      De quaquer forma esses comportamentos podem ser trabalhados em psicoterapia.

      Excluir
  13. Mais uma vez curto muito o post e o tema. Infelizmente esse tipo de leitura nos levar a pensar sobre o círculo social no qual estamos inseridos e mas pessoas com quem convivemos. Faz refletir.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. São traços comuns nesse mundo da internet, mas não significa que todas as pessoas q tem traços parecidos sejam de fato histriônicas.

      Obrigado por comentar <3

      Excluir
  14. Bem diferente conhecer mais sobre esse transtorno de personalidade. Acho até que já conheci pessoas que sofriam desse transtorno, tomara que elas tenham ido procurar ajuda profissional.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  15. Gente achei super interessante isso tem que ser de conhecimento geral, realmente muitas pessoas são assim acho que poucas se dão conta adorei o seu post.

    ResponderExcluir
  16. Transtorno de personalidade é realmente algo muito difícil... Só sabe quem já viveu algo assim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, e é difícil tratar porque eles tendem a não aderir facilmente ao tratamento. Até que o histriônico tem mais facilidade já que ele gosta de ser analisado e receber atenção.

      Excluir
  17. Olá!!
    Eu achei esse post interessantíssimo, pois não tinha noção que tinha tipos de transtorno de personalidade diferentes. Acho muito legal você fazer essas publicações, pois nos ajudará a entender quem passa por esse tipo de coisa.
    Bjs
    Adriana Cardoso
    https://almde50tons.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Existem muitos tipos de transtorno de personalidade. A personalidade histriônica pertence ao grupo B, também chamado de "cluster b" que são transtornos vistos como dramáticos ou imprevisíveis (borderline, psicopatia/antissocial, narcisista e histriônico).

      Pretendo fazer um post sobre cada um deles e também sobre os transtornos de personalidade dos outros grupos.

      Excluir

Postar um comentário

Dica: clique em "notifique-me" para que você seja avisado(a) por e-mail quando eu responder seu comentário ❤